sexta-feira, 6 de março de 2015

Prince of Thorns

Autor: Mark Lawrence
Gênero: Ficção, Literatura Inglesa
Páginas: 356
Editora: Darkside Books


Neste primeiro volume da "Trilogia dos Espinhos" somos apresentados a Jorg. Inicialmente um jovem que está no meio de uma pilhagem com um grupo de mercenários. Então temos uma das primeiras revelações, Jorg não é apenas o líder deste grupo como parece não ter nenhuma compaixão ou mesmo se importar com as vidas que tira em seu caminho.

A trama se passa em um mundo medieval mas com indícios de pós-apocalipse, isto é percebido quando o protagonista cita livros e textos clássicos da literatura na obra. Sem isto o livro poderia se passar em qualquer planeta ou universo ficcional.

O livro é narrado em primeira pessoa, então  temos todas as impressões e sensações a partir da mente de Jorg. Como se tivéssemos virado telepatas e através de seus olhos conhecemos este mundo.

Jorg teve um passado traumático que o leva a este caminho ao lado de mercenários. Ele viu sua mãe e irmãos serem mortos quando ainda era uma criança, no entanto, ele não foi morto, pois caiu num espinheiro onde ficou preso, sendo envenenado lentamente pela planta. Conseguiu ser resgatado porém sua recuperação foi lenta e aparentemente deixou sequelas no garoto de então.

Conforme cresce, seu ódio também aumenta. O príncipe Honório Jorg de Ancrath resolve fazer justiça à morte de seus familiares, canalizando seu ódio para a vingança. 
Jorg é um personagem extremamente complexo e bem criado, impulsivo e arrogante, tornando ao leitor o conflito de amar ou odiar o personagem. 

Seus companheiros de bando se destacam um a um através de seus olhos e com suas peculiaridades.

Particularmente adorei o livro e o personagem! Suas ações são normalmente fruto de estratégia e conhecimento que lhe foi dado na infância em sua educação para rei. Isto e sua crueldade fazem com que fique marcado como um líder forte capaz de qualquer coisa para atingir o que quer. E nesse livro, seu objetivo é além da vingança, ser rei antes dos quinze anos.

A edição da Darkside Books é fenomenal. Atualmente é o livro mais lindo da minha estante. Tem capa dura, diagramação equilibrada, uma fita preta como marca páginas e guardas vermelhas, dando um ar sanguinário maravilhoso a edição, digna de colecionadores.
Convido todos a conhecer Jorg e decidirem por si próprios o que acham dele e de sua história.

Sinopse: Ainda criança, o príncipe Honório Jorg Ancrath testemunhou o brutal assassinato da Rainha mãe e de o seu irmão caçula, William. Jorg não conseguiu defender sua família, nem tampouco fugir do horror. Jogado à sorte num arbusto de roseira-brava, ele permaneceu imobilizado pelos espinhos que rasgavam profundamente sua pele, e sua alma. O príncipe dos espinhos se vê, então, obrigado a amadurecer para saciar o seu desejo de vingança e poder. Vagando pelas estradas do Império Destruído, Jorg Ancrath lidera uma irmandade de assassinos, e sua única intenção é vencer o jogo. O jogo que os espinhos lhe ensinaram.

Postar um comentário