quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Quem precisa de Heróis?

Uma das coisas boas de ler livros digitais é que, quando a gente gosta muito de um livro lá, acaba querendo o livro físico depois. A minha estante tem vários livros que conheci no kindle e agora fazem parte do meu covil literário, hehehe. Okay, nem todo mundo tem essa dependência de pegar o livro, cheirar e depois juntar pó na estante, mas eu tenho e sei que muita gente tem também e se você é dessas, toca aqui!

A questão é: existem aqueles livros que a gente simplesmente precisa ter em formato físico. E para mim, esse era o caso de "Quem precisa de heróis?" da Vivianne Fair. Um livro que me divertiu muito e é uma ótima opção para quem está afim de uma aventura bem humorada e que brinca com tudo que a gente já conhece na literatura de fantasia, mas que não tinha um corpinho físico para eu juntar com os outros livros da autora, na minha estante (ela também tem O Legado do Dragão na Amazon, que eu ia amar ter impresso!).

E eis quêêêêê: "Quem precisa de heróis?" está completando dez anos, e a Vivi resolveu fazer um financiamento para lançar uma edição especial! Eu já falei de financiamento coletivo de livros algumas vezes aqui no blog, e já apoiei alguns, inclusive, como eu falo nesse post aqui. Vira e mexe eu compartilho a campanha de um projeto diferente. E nesse caso, põe diferente nisso!  

"Quem precisa de heróis?" é diferente do começo ao fim, uma história que mesmo parecendo às avessas num primeiro momento, acaba se tornando aconchegante para quem tem bom humor. E eu posso listar alguns motivos para essa leitura valer apena:

É uma sátira com os personagens que a gente encontra em toda mesa de RPG ou na literatura de Fantasia; 
A protagonista desprotegida não precisa de ninguém para protegê-la (quer dizer, até precisa, né? a Sephira é muito sem noção) 
Todos os personagens são cativantes. Menos Angeal. Angeal não presta. É um afetado das ideias (em todos os sentidos).
Dragões aqui são adoráveis bichinhos de estimação de oito metros de altura.
Os heróis são as últimas pessoas com quem você vai querer topar. Ou não.
No final do livro você estará manjando de "Barbarês", a língua dos Bárbaros (que não tem nada a ver com as barbaridades que as pessoas publicam e comentam na internet) e vai perceber que tem muita mensagem profunda e existencial em forma de grunhidos, berros e resmungos.

E aí, me diz se não gostou desses seis motivos para ler esse livro? Eu até daria mais, só que a gente ia ficar aqui até semana que vem.

E para apoiar esse projeto, é a coisa mais simples do pla-ne-ta! Basta acessar a campanha neste link aqui, selecionar qual a sua recompensa e efetuar o pagamento. Mas se ainda tiver dúvidas, basta seguir  o passo a passo que está no blog da autora, o Recanto da Chefa e aguardar seu pacotinho do amor chegar sem dor de cabeça!

E para Ilustrar...
A Vivianne Fair, autora desse projeto é multitalentosa, além de escrever e cantar, ainda é ilustradora! (e cosplayer... tá bom ou quer mais?). E lá no Recanto da Chefa, ela posta tirinhas! Aqui, eu separei uma do "Quem precisa de heróis?", só para te dar uma amostra do que tem no livro!

Tem muito mais  e de todos os personagens da Vivi, lá Recanto, então visite!


E essa é minha dica, convite, chamado para um projeto que vale super apena apoiar!

Site da campanha: AQUI!


Postar um comentário