terça-feira, 8 de setembro de 2020

As coisas que você só vê quando desacelera

 


Autor: Haemin Sunim

Editora: Sextante

Gênero: meditação, espiritualidade

Páginas: 258



Hoje venho com uma dica de leitura rara aqui pelas terras baratais: Um livro de reflexões escrito por um monge coreano Zen-Budista e ex-professor de uma pequena faculdade de artes liberais em Massachusets.


Eu sempre bati na tecla de que ler é o maior barato e acabo lendo de tudo um pouco: sobre saúde, ciência e por que não… sobre espiritualidade também? 


É até engraçado dizer que li esse livro no último um ano. É engraçado se a gente parar para pensar que o título fala sobre desacelerar e que eu levei um ano para terminar de ler. É que esse é daqueles livros que a gente deixa na mesinha de cabeceira e lê um pouquinho por dia, ou lê quando dá na telha. É incrível como, não importa que página você abra, vai acabar encontrando uma mensagem motivadora ou um conselho simples, que na correria das nossas rotinas acabamos ignorando.


“As coisas que você só vê quando desacelera” tem oito capítulos que tratam de vários aspectos da vida, desde amor e amizade até  trabalho e aspirações, e de como a técnica da atenção plena pode nos ajudar com cada um deles.


Cada capítulo começa com um texto seguido de uma série de mensagens curtinhas, que nos oferece uma reflexão simples e direta sobre o tema proposto. Um dos meus capítulos favoritos é o seis: “Vida”, onde o texto “Três ideias libertadoras” é simplesmente inspirador.


O livro é pequeno (ótima companhia para levar na bolsa), em capa dura e colorido de ponta a ponta, além das várias ilustrações orientais super fofas de autoria do artista Youngcheol Lee. Eu me perdi um bom tempo contemplando as cores pastéis, imaginando histórias para o que estava vendo.


Adorei essa experiência de leitura, que acabou virando dica aqui no blog. E depois de um ano, vai ser bem estranho olhar para minha mesinha de cabeceira e não ver meu parceiro de noites insones, bem ali, do meu lado.


Vou ficando por aqui e… 

até a próxima folks!